Guilherme Alberge Reis, egresso dos cursos de Relações Internacionais e Direito, participou recentemente do programa Latin American Young Lawyers Exchange Programme, organizado pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), da Inglaterra, pelo Bar Council of England and Wales e pela The Law Society of England and Wales.

Trata-se de um processo seletivo no qual poderiam participar advogados que tivessem fluência em inglês e com até 10 anos de inscrição na Ordem. Ao todo, foram selecionados três advogados da Colômbia, dois do México e oito do Brasil, entre eles Reis, que foi o único representante do Paraná.

Os advogados selecionados participaram de um curso que aconteceu entre os dias 30 de abril e 25 de maio, em Londres, e foi composto de uma semana acadêmica e três semanas de colocação em escritórios de advocacia locais com foco no sistema jurídico britânico.

A programação contou ainda com seminários sobre assuntos variados, como arbitragem e direitos humanos, além de possibilitar aos participantes um amplo networking. O curso teve como objetivo promover a jurisdição inglesa como uma alternativa viável em caso de um litígio internacional.

Sobre ter a oportunidade de participar de um curso internacional, Reis conta: “Foi uma experiência muito rica para entender as principais diferenças entre os sistemas jurídicos. Foi também uma oportunidade muito enriquecedora de crescimento profissional. Sinto-me agora plenamente habilitado para dialogar com clientes internacionais e, inclusive, orientá-los caso tenham alguma ação judicial em outro país. O contato com advogados de diversos Estados do Brasil, da Colômbia, México e da Europa, igualmente abrirá portas e certamente resultará em mútuas oportunidades de negócio. Você acaba se tornando uma referência de profissional no Brasil para as pessoas com quem manteve contato lá.”